Mestrado em Turismo e Hospitalidade

DURAÇÃO

2 anos

ECTS

120

VAGAS

20

REGIME

Pós-Laboral

CURSO

Mestrado

IDIOMAS

PT/EN

SINGULARIDADES DO CURSO

  • Foco nas tendências atuais do turismo e da hospitalidade como indústria de maior crescimento

  • Promoção de projetos de investigação inter e multidisciplinares

  • Envolvimento dos estudantes em projetos reais, inovadores e empreendedores

No Mestrado de Turismo e Hospitalidade abordam-se questões da hospitalidade e das suas dimensões, tendo por base o conhecimento conceptual do pensamento teórico das tendências da área. Hospitalidade, neste contexto, é entendida simultaneamente como uma atividade económica e como um fenómeno cultural, “uma procura intelectual das dimensões sociais, juntamente com as de natureza económica”, que tem como elementos fundamentais da hospitalidade: a satisfação do consumidor, a competitividade e colaboração, o desenho e melhoria dos serviços, a gestão da relação entre cliente-prestador e a gestão dos serviços de hospitalidade.

Conhecendo estas dinâmicas e a sua implementação, a ação do profissional de turismo, nos diversos contextos de trabalho, afirma-se como uma oportunidade diferenciadora, inovadora, implementadora de um sistema de qualidade e incrementadora do aumento da competitividade, quer das empresas, quer dos destinos turísticos. Assim, este mestrado coloca-se no alcance de uma formação que visa:

  1. A gestão das operações na ótica da qualidade da prestação dos serviços adequada à diversidade dos consumidores;
  2. A gestão do relacionamento e da interação entre a comunidade anfitriã, na defesa e salvaguarda da sua cultura e património e os visitantes;
  3. O planeamento estratégico pensado para o acolhimento, refletindo sobre questões sociais e individuais;
  4. A informação turística e marketing estratégico diferenciadores no acesso aos consumidores;
  5. A autenticidade e originalidade dos espaços sociais e culturais, dos equipamentos, dos recursos turísticos como prioridade;
  6. O planeamento e gestão de eventos cultural, social e individualmente diferenciados.

Este 2º ciclo preocupa-se, também, com as dimensões da investigação como suporte fundamental à prática de trabalho como meio de crescimento pessoal e social dos profissionais.

O programa de mestrado irá expandir a oferta de formação pós-graduada na área emergente do turismo e hospitalidade, contribuindo para o sistema económico regional e nacional. Os alunos serão estimulados a produzir com base na forte relação com organizações do sector, as quais serão integradas nos projetos de investigação e convidadas a contribuir no estudo das necessidades do mercado de trabalho.

Pretende-se, com este programa de mestrado, promover a criação de sinergias no âmbito da cooperação com as organizações do sistema turístico, com vista ao desenvolvimento dos territórios e das várias dimensões da hospitalidade a eles associadas.

Pretende-se, ainda, desenvolver o intercâmbio académico com outras instituições nacionais e internacionais de ensino superior. Em suma, os estudantes do ciclo de estudos serão dotados de competências que lhes permitirão contribuir ativamente para o posicionamento do turismo a um nível empreendedor, inovador e imbuído de pensamento dirigido às pessoas, às comunidades e ao seu património e cultura.

 

Publicação em Diário da República, 2ª série - N.º 57 - 22 março 2022 - Anúncio n.º 56/2022

Este ciclo de estudos veicula uma formação especializada na área do Turismo e Lazer que se apresenta como sequencial e complementar à ministrada nos 1ºs ciclos de estudo em Turismo, Gestão, Gestão Hoteleira, Economia, Marketing, Ciências Sociais, Geografia, áreas do Património, Planeamento Regional e Urbano, e áreas afins. A filosofia que está na base da estrutura curricular do mestrado em Turismo e Hospitalidade promove a compreensão e o domínio da hospitalidade nas áreas do saber do turismo, assentes num espirito de curiosidade, criatividade, inovação e empreendedorismo, em estreita interação com as empresas e organizações. A aprendizagem é centralizada no estudante, promovendo o desenvolvimento de capacidades de trabalho autónomo e de reflexão analítica e crítica, bem como uma forte consciência social e cultural. As metodologias de ensino/ aprendizagem fomentam as competências técnicas e científicas do Turismo, Lazer e Hospitalidade tendo por base as necessidades dos consumidores, o envolvimento das comunidades locais e o desenvolvimento sociocultural do território assente na colaboração com instituições, empresas e organizações parceiras. Desta forma, promove-se uma maior ligação ao mercado do sector, ao nível do ensino, da empregabilidade e da investigação aplicada.

  • Organizações promotoras do acolhimento, do destino e dos produtos turísticos (organizações nacionais, regionais e municipais do turismo);
  • Gestão de projetos de consultoria e planeamento;
  • atividades culturais, de recreio e lazer;
  • Associações profissionais do sector;
  • Organização e gestão de eventos;
  • Guia de Museus, Monumentos e Sítios e Conjuntos do Património Nacional; 
  • Gestão do património;
  • Empresas do setor do Turismo;
  • Hotelaria e Restauração;
  • Turismo no Espaço Rural;
  • Saúde e Bem-Estar.

São objetivos do ciclo de estudos que os alunos sejam capazes de:

  1.  Entender o conceito de hospitalidade adquirindo saberes e competências que permitam agir com qualidade e inovação nos domínios dos interesses socioculturais dos consumidores;
  2.  Aplicar técnicas especializadas de investigação e de projeto, nos domínios do turismo e hospitalidade;
  3.  Compreender a importância da colaboração da comunidade e das instituições no desenvolvimento de uma identidade cultural e patrimonial no âmbito do acolhimento, da salvaguarda e da comunicação de valores culturais e patrimoniais;
  4. Conhecer as estratégias de marketing aplicadas aos contextos da hospitalidade em turismo;
  5. Compreender a importância de um planeamento em turismo e lazer apoiado em dinâmicas de observação, monitorização, análise critica a aplicar no desenvolvimento do território e competitividade do sistema turístico;
  6. Conhecer as operações nos domínios da hospitalidade tendo em conta o desenvolvimento pessoal e profissional dos recursos humanos e o acolhimento dos públicos do Turismo.

O presente diploma confere a habilitação no Mestrado em Turismo e Hospitalidade (120 ECTS) ou, com a conclusão do 1.º ano, Especialização em Turismo e Hospitalidade (60 ECTS).

O Mestrado está organizado em 2 semestres que corresponde à estrutura curricular, mais 1 ano dedicada à preparação, realização e apresentação da defesa de uma dissertação, ou relatório de estágio ou trabalho de projeto.
O curso equivale a 60 ECTS à parte curricular e 60 ECTS à preparação, realização e apresentação da dissertação, ou relatório de estágio ou trabalho de projeto, o que perfaz um total de 120 créditos ECTS nas seguintes áreas científicas:

O Mestrado está organizado em 2 semestres que corresponde à estrutura curricular, mais 1 ano dedicada à preparação, realização e apresentação da defesa de uma dissertação, ou relatório de estágio ou trabalho de projeto.
O curso equivale a 60 ECTS à parte curricular e 60 ECTS à preparação, realização e apresentação da dissertação, ou relatório de estágio ou trabalho de projeto, o que perfaz um total de 120 créditos ECTS nas seguintes áreas científicas:

Área Científica ECTS
Obrigatórios
ECTS
Opcionais
CE
Ciências Empresariais
6
HP
História e Património
6
OA (a
Outra Área
5
TL
Turismo e lazer
103

1ºano

2ºano

Anual Área Científica ECTS
TL
60
TL
60
TL
60

Nota: As UCs opcionais disponíveis serão definidas anualmente pela Direção do Departamento.

No âmbito das unidades curriculares de dissertação, projeto e estágio e das parcerias estratégicas estabelecidas em empresas e organizações do sector, serão desenvolvidas as seguintes linhas de investigação:

  • Landscape and heritage;
  • Tourism and territorial development;
  • Hospitality and service management.

 

Projetos em curso

Existem diversos projetos em curso no âmbito das atividades de investigação do Departamento de Turismo, Património e Cultura nos domínios do Turismo e Hospitalidade, nomeadamente:

  • ICM Partnership Portugal-Brasil “Water, landscape and sustainable tourism”, (ERASMUS +), 2017-2019;
  • ICM Partnership Portugal- Republic of China “Museum and Cultural Landscape”, (ERASMUS+), 2016- 2018 e 2018-2020;
  • ICM Partnership Portucalense University and State University of New York (SUNY) Potsdam “Global Climate Change and Wine Tourism Strategic Responses”, (ERASMUS+), 2018-2020;
  • EURICA “EUROPE RITUAL CUISINE– DIGITAL PRESENTATION AND PRESERVATION”, (ERASMUS+), 2020-2022;
  • PERICLES “Preserving and sustainably governing Cultural heritage and Landscapes in European coastal and maritime regions”, 2018 – 2022;
  • FENICE “Fostering Entrepreneurship and Innovation in Cultural and Creative Industries through Interdisciplinary Education”, (ERASMUS +), 2020-2022;
  • TWINE “Co-creating sustainable Tourism & Wine Experiences in rural areas (POCI-01-0145-FEDER-032259)” (FCT), 2018 - 2022;
  • CREATOUR “Creative Tourism Destination Development in Small Cities and Rural Areas”, 2016 - 2020.

COORDENAÇÃO

CONTACTOS

Makhabbat Ramazanova

ramazanova@upt.pt

DTPC/ Departamento de Turismo Património e Cultura

Mestrado em Turismo e Hospitalidade

Gabinete de Ingresso

Atendimento online: ingresso@upt.pt

(+351) 800 270 201

Candidaturas*

176,00 €

Matrícula (ato único por curso)

326,00 €

Seguro Escolar

32,00 €

Inscrição

setembro

Valor isento no ano da matrícula**

fevereiro

187,00 €

*Isenta para antigos alunos (com curso que confere grau concluído na UPT)
**Isenção será aplicada em Fevereiro caso o aluno apenas se inscreva no 2º semestre, no ano da matrícula

Dentro do Prazo

Fora do Prazo

Candidaturas

Isento

-

Matrícula (ato único por curso)

326,00€

-

Inscrição

setembro

Isento**

-

fevereiro

187,00€

196,00€

**Isenção será aplicada em fevereiro caso o aluno apenas se inscreva no 2º semestre, no ano da matrícula

Propina de Frequência (p/ 60 ECTS)

11 Prestações (setembro a julho)

Mensal

368,20 €

Desconto de 3% setembro

Único

3.928,50 €

Propina de Frequência (p/ 30 ECTS)

5 Prestações (setembro a janeiro ou fevereiro a junho)

Mensal

405,00 €

Desconto de 2% setembro ou fevereiro

Semestral

1.984,50 €

Valor por ECTS

13,50 €

Propina mínima obrigatória (10 ECTS)

Mensal

135,00 €

Dentro do Prazo

Fora do Prazo

Ato único (1 prestação)

julho a setembro

326,00 €

343,00 €

Ato único (2 prestações)

setembro

187,00 €

196,00 €

fevereiro

187,00 €

196,00 €

Propina de Frequência

50% dos preçários da parte curricular

***E anos seguintes, no caso de não conclusão do curso em 2 anos.

Candidatura

176,00 €

Cursos em Português

Matrícula

326,00 €

Inscrição

187,00 €

Propina Anual

3.928,50 €

Cursos em Inglês

Propina Anual

5.200,00 €

Candidaturas*

176,00 €

Matrícula (ato único por curso)

326,00 €

Seguro Escolar

32,00 €

Inscrição

setembro

Valor isento no ano da matrícula**

fevereiro

187,00 €

*Isenta para antigos alunos (com curso que confere grau concluído na UPT)
**Isenção será aplicada em Fevereiro caso o aluno apenas se inscreva no 2º semestre, no ano da matrícula

Dentro do Prazo

Fora do Prazo

Candidaturas

Isento

-

Matrícula (ato único por curso)

326,00€

-

Inscrição

setembro

Isento**

-

fevereiro

187,00€

196,00€

**Isenção será aplicada em fevereiro caso o aluno apenas se inscreva no 2º semestre, no ano da matrícula

Propina de Frequência (p/ 60 ECTS)

11 Prestações (setembro a julho)

Mensal

368,20 €

Desconto de 3% setembro

Único

3.928,50 €

Propina de Frequência (p/ 30 ECTS)

5 Prestações (setembro a janeiro ou fevereiro a junho)

Mensal

405,00 €

Desconto de 2% setembro ou fevereiro

Semestral

1.984,50 €

Valor por ECTS

13,50 €

Propina mínima obrigatória (10 ECTS)

Mensal

135,00 €

Dentro do Prazo

Fora do Prazo

Ato único (1 prestação)

julho a setembro

326,00 €

343,00 €

Ato único (2 prestações)

setembro

187,00 €

196,00 €

fevereiro

187,00 €

196,00 €

Propina de Frequência

50% dos preçários da parte curricular

***E anos seguintes, no caso de não conclusão do curso em 2 anos.

Candidatura

176,00 €

Cursos em Português

Matrícula

326,00 €

Inscrição

187,00 €

Propina Anual

3.928,50 €

Cursos em Inglês

Propina Anual

5.200,00 €

O acesso à candidatura ao curso de Mestrado em Turismo e Hospitalidade obriga a que os candidatos possuam:

  1. Grau de licenciado ou equivalente legal em Turismo, Gestão, Economia, Ciências Sociais e Humanas, Gestão Hoteleira e áreas afins;
  2. Grau académico superior estrangeiro de um Estado aderente que acorde com princípios do Processo de Bolonha em Turismo, Gestão, Economia, Ciências Sociais e Humanas, Gestão Hoteleira e áreas afins;
  3. Grau académico superior estrangeiro reconhecido pelo Conselho Científico como satisfazendo os objetivos de ingresso num curso de 2º ciclo;
  4. Currículo escolar, científico ou profissional que seja reconhecido pelo Conselho Científico.

Os candidatos ao acesso ao 2.º ciclo em Turismo e Hospitalidade são seriados com base na valorização de mérito resultante da média ponderada, conforme Anexo II, das Normas Regulamentares.

1ª Fase Início Fim
Candidaturas à 1ª fase
4 abril
20 maio
Afixação dos resultados
27 maio
Reclamações
27 maio
30 maio
2ª Fase Início Fim
Candidaturas à 2ª fase
30 maio
22 julho
Afixação dos resultados
29 julho
Reclamações
29 julho
2 agosto
Matriculas e Inscrições para a 1ª e 2ª fase
2 de agosto
16 agosto
3ª Fase Início Fim
Candidaturas à 3ª fase
2 agosto
29 setembro
Afixação dos resultados
6 outubro
Reclamações
6 outubro
7 outubro
Matriculas e Inscrições
7 outubro
14 outubro

NOTA: De acordo com as deliberações do CC poderá a Universidade Portucalense abrir outras fases de candidatura para o Ingresso nos cursos de 2º ciclo.

2º CICLO DE ESTUDOS
  • Os titulares de grau de licenciado ou equivalente legal;
  • Os titulares de um grau académico estrangeiro conferido na sequência de um 1º ciclo de estudos organizado de acordo com os princípios do processo de Bolonha por um Estado aderente a esse processo;
  • Os titulares de um grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado pelo Conselho Científico da Universidade Portucalense;
  • Os detentores de currículo escolar, científico ou profissional, que seja reconhecido pelo Conselho Científico da Universidade Portucalense, como atestando capacidade para realizar este ciclo de estudos.
Atendendo ao seu percurso académico e profissional, os candidatos podem apresentar um pedido de Requerimento de Reconhecimento e Creditação de Competências, que poderá conferir equivalências a unidades curriculares do curso de Mestrado. Os detentores do grau de licenciado Pré-Bolonha que possuam mais de 5 anos de experiência profissional na área do mestrado, podem solicitar a substituição da dissertação por um relatório detalhado sobre a atividade profissional segundo o regulamento em vigor.

  • documento de identificação
  • fotografia, tipo passe
  • documentos que comprovem as habilitações académicas (fotocópias autenticadas)
  • CV atualizado

  • Modelo Próprio, Reconhecimento de que o grau académico satisfaz os objetivos do grau de licenciado, para efeitos de candidatura a um curso de mestrado, solicitando reconhecimento prévio pelo Conselho Científico da habilitação de acesso
  • Documento de Identificação
  • Fotografia, tipo passe
  • Documento comprovativo de titularidade do grau académico superior estrangeiro com indicação da nota final (*)
  • Certidão discriminada das unidades curriculares que constituem o plano curricular do grau académico (*)
  • CV atualizado

(*) Os documentos devem ser traduzidos para português, sempre que não forem emitidos em português, inglês, francês ou espanhol e visados pelo serviço consular ou apresentados com a aposição da Apostila de Haia pela autoridade competente do Estado de onde é originário o documento.

De acordo com a nova Portaria nº 181-D/2015 de 19 de junho, a mudança de curso e transferência foi substituída por um único regime denominado “mudança de par instituição/curso”.

Não é permitida a mudança de par instituição/curso no ano letivo em que o estudante tenha sido colocado em par instituição/curso de ensino superior ao abrigo de qualquer regime de acesso e ingresso e se tenha matriculado e inscrito.

A mudança de par instituição/curso e o reingresso são requeridos à Direção dos Serviços Académicos, em modelo próprio.

  • Formulário de candidatura, devidamente preenchido;
  • Documento de Identificação;
  • Fotografia, tipo passe;
  • Original ou cópia autenticada do documento comprovativo da matrícula no estabelecimento de ensino de origem (com exceção dos candidatos da UPT) (*);
Se desejar solicitar equivalências: (*) Estes documentos devem ser autenticados de acordo com legislação em vigor (Decreto-lei 28 de 13/03/2000).

Para informações sobre o processo de candidatura por favor consulte os regulamentos relevantes abaixo ou contacte diretamente com o nosso Gabinete de Ingresso. Para informações de caráter pedagógico/científico consultar os coordenadores de curso

PARCERIAS

Voltar ao topo